Salvo indicação contrária, todas as imagens e texto, aqui apresentados são da autoria de David Guimarães. A utilização de imagens, texto na íntegra ou excertos, sem autorização expressa do Autor é proibida.


Unless otherwise indicated, all text and images presented here are by David Guimarães. The use of images, full text or excerpts without express permission of the author is prohibited.

sábado, 5 de Janeiro de 2013

Desenho \ Drawing

Estes esporângios de musgo brotavam de um manto verde que cobre algumas depressões interdunares na Mata Nacional das Dunas de Vagos.
 
These  moss sporangia sprouted from a green mantle, that covers some interdune depressions in the Mata Nacional das Dunas de Vagos forest.

3 comentários:

teca disse...

Muito artístico...

Beijos.

João Petronilho disse...

Existem alguns palavrões que não podem ser escritos publicamente. Mas se eu os escrevesse seria com o significado e malabarismo que nós portugueses tão bem sabemos fazer com as palavras quando admiramos algo profundamente. Já pensaste em pedir um subsidio ao estado para fundar uma escola de belas artes?!! Anda para aí tanto lixo a ser subsidiado!!! Quanto à foto: é a tua alma espelhada, um pouco do teu Karma e um reflexo do tua procura quase insaciável do Graal perfeito(e já tens alguns). E não me respondas coisas como muitos o fazem quando lhes perguntam qual é a melhor foto que captaram até hoje: "a melhor foto é aquela que ainda não foi captada". Tretas e mais tretas. A fotografia de natureza é um pouco como a felicidade: uns dias são melhores que outros e outros são mesmo um desastre. No caso desta foto, provavelmente é uma das tuas mais bem conseguidas. Sem qualquer margem de dúvida estás entre os bons fotógrafos criativos deste planeta. Apenas te falta um pouco mais de sorte como tantos outros têm. E por hoje mais não digo!! Um forte abraço.

L.S.A. disse...

Bela imagem, como eu gosto disto..!